Introdução

Sobre a página “Direitos Humanos à Água e ao Esgotamento Sanitário na Região Metropolitana de BH”

Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais

 

A página Direitos Humanos à Água e ao Esgotamento Sanitário na Região Metropolitana de BH é um produto do projeto Direitos humanos à água e ao esgotamento sanitário na Região Metropolitana de Belo Horizonte: ciência aberta para gestão participativa e tem como objetivo propiciar uma forma inovadora para acesso a dados e informações sobre a situação dos 34 municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte no que diz respeito ao alcance dos Direitos Humanos à Água e ao Esgotamento Sanitário.

Esses dados e informações são provenientes da pesquisa Construção de indicadores dos Direitos Humanos à Água e ao Esgotamento Sanitário para os municípios da RMBH e sua disponibilização no InfoSanbas foi possível a partir do Edital de Divulgação Científica no campo da Saúde, da Vice Presidência de Educação, Informação e Comunicação da Fiocruz, lançado no ano de 2018.

Nesta página, você poderá navegar por quatro seções:

  1. na primeira, apresentamos um resumo sobre os Direitos Humanos à Água e ao Esgotamento Sanitário, que daqui em diante nos referiremos pela sigla DHAES;
  2. em seguida, detalhamos o sistema de indicadores aplicado à Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), apresentamos mapas e o ranking dos municípios que compõem esta região;
  3. na terceira seção, apresentamos o desempenho de cada município;
  4. finalmente, na quarta seção, disponibilizamos informações sobre a pesquisa Construção de indicadores dos Direitos Humanos à Água e ao Esgotamento Sanitário para os municípios da RMBH, tais como fontes de dados, indicadores utilizados para composição dos índices e ficha técnica do trabalho.

Todos os dados da pesquisa estão disponíveis para download aqui.

Esperamos que esta página contribua para a democratização da informação técnico-científica sobre saneamento e para o fortalecimento das capacidades locais de gestão pública e de exercício da cidadania.

Boa navegação!

Equipe Infosanbas